Porno Carioca: Filmes Porno Brasileiros, Videos de Sexo Nacional, Sexo Amador Grátis! - Porno Carioca. Videos Porno, Videos de Sexo, Zoofilia, Filmes XXX, Sexo Amador, Porno, Fotos Amadoras, Jogos de Sexo, Contos Eróticos. Tudo Grátis!
  • Acompanhantes VIP
Home » Contos » Éroticos » Comendo a minha tia safadinha que adora uma foda

Comendo a minha tia safadinha que adora uma foda

Galera, primeiro conto aqui. Tem muita foda que quero compartilhar aqui com vcs, mas admito que akela que me fez vir ateh aqui foi com minha tia quando eu tinha 16 anos.

Estava passando um final de ano na praia com minha familia ater que a familia da minha tia chegou para ficar um fim de semana. Nunca havia reparado na minha tia ater esse fim de semana na epoca ela tinha uns 40 anos, loira 1,60 e seios bem fartos, que só reparei pela primeira vez nesse fim de semana. Eu estava na areia, quando ela apareceu só de biquini, com aqueles seios enormes balançando, sabe tipo peito de coroa, um pouco mole e caindo mas aquilo me deixou de pau duro na mesma hora, sem contar que dava pra ver os pentelhos raspados na virilha de tao curto que era o biquini.

Depois desse momento não conseguia parar de olhar para aqueles seios lindos…teve uma hora que ela estava conversando e foi arrumar o sutia e uma parte do mamilo ficou de fora, parecia ate q ela tinha me flagrado e tava provocando. A noite eu entrei no quarto para falar com meu primo e quando entro minha tia estava sá de calcinha com os seios de fora, foi a coisa mais linda que havia visto ate então, nunca havia visto seios tao grandes, e ela nem ai ficou daquele jeito enquanto eu falava com meu primo, praticamente nem olhei pra cara dele pois era impossivel ignorar os peitões da minha tia. Eu comecei a perceber que ela sabia que eu tava com tesão nela e então ela não parava de me provocar, ela ficava sentando no meu colo, me beijando no rosto toda hora.

Na ultima noite que a familia dela estava la, teve um churrasco na churrasqueira embaixo do predio. Depois de muita bebedeira da familia toda eu vi que ela pediu pra eu subir no ap com ela pra ajudar a pegar alguma coisa, nem lembro o que, então fomos ate o ap. Quando chegamos na cozinha ela se abaixou para pegar algo e ficou com os seios balançando, eu não resisti e falei, “nossa tia como vc tem seios lindos”, na hora fiquei com muita vergonha, mas ela imediatamente deu um sorriso e disse que eu podia pega-los para sentir. cara na hora que toquei aqueles seios eu não resisti e dei um baita beijao de lingua nela, ela correspondeu e entao imediatamente eu tirei sua roupa, e comecei a chupar akeles meloes, que eram lindos com bicos bem durinhos, nossa ela gemia demais, estava ate tremendo de tanto tesao. Quando coloquei a mao na buceta dela, estava enxarcada e ela comecou a berrar, era um gemido bem de vadia. Tiramos toda a roupa, ela começou a me chupar com muita vontade igual uma cadela, nossa era um tesao ver akela coroa engolindo minha rola de 18 cm bem grossa ate o talo, logo ela ja virou de bunda pra mim e comecei a socar akele bucetao enorme, soquei com gosto e ela gemia demais, eu metia nela um pouco e depois chupava ela por tras na buça e no cuzinho que era bem cheiroso, fikei nessa por um tempo. Como ela nao parava de gemer alto eu amarrei a boca dela com pano, ela nem ligou e deitei ela de brusos no chao e fikei socando na buceta, ateh que nao resisti e comecei a botar no cuzinho, nossa era muito gostoso aquele cu, meu pau entrava gostoso, eu metia no cu e puxava o cabelo loiro dela, tava demais era muito tesao o jeito que ela levava rola. Ela ficou um pouco de 4 e eu ficava socando nela e pegando naqueles peitoes e dando tapa neles. Não sei quanto tempo ficamos fodendo na cozinha, mas era coisa de loco, nos nao conseguimos ficar numa posição soh, dava vontade de destruir aquela mulher na picada. So lembro de ter escutado o barulho de alguem chamando o elevador e entao bateu aaquele medo, na hora nos levantamos e colocamos a roupa. Quando o elevador subiu ele passou do andar do ap entao nao era ninguém da familia, mas dai vimos que era arriscado ficar ali, entao descemos de volta para o churrasco.

Depois disso tivemos uma conversa de que nao teria como acontecer isso de novo. Toda vez que nos encontravamos ela me beijava no rosto e me abraçava e beijava e eu disfarçava, mas no fundo tava loco pra meter nela. Apesar disso ficamos sem fazer mais nada por dez anos, ater mês passado. Outra hora conto de como foi essa ultima vez, pois foi muito surpreendente, hoje em dia ela eh divorciada e descobri que estava morando com outra mulher em outra cidade. Mas isso fica pro proximo conto.

  • Avaliação:
    1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas
    Loading ... Loading ...
  • Postado por: Zé Carioca
  • Visitas: 2253
  • Data: 27/06/2013
  • Duração:
  • Categorias: Éroticos