Porno Gratis – Filmes Porno Brasileiros, Videos de Sexo Nacional, Sexo Amador, Videos Porno. - Porno Carioca. Videos Porno, Videos de Sexo, Xvideos, Filmes XXX, Sexo Amador, Porno, Fotos Amadoras, Porno Gratis, Contos Eróticos.
Home » Contos »

Pegando essa safada cheia de tesão e arrombei essa putinha

Pegando essa safada cheia de tesão e arrombei essa putinha

Nós já eramos amigos há bastante tempo.

Tínhamos as mesmas afinidades e sempre consideramos como interessante uma eventual sociedade, afinal eu e o Thiago pensávamos da mesma maneira e achávamos que com essa sinergia um negocio conjunto poderia dar bons frutos.

O tempo passou, cada um em sua atividade, até que um dia, muito tempo depois, eu já aposentado, reencontrei esse meu amigo. Depois dos efusivos cumprimentos, ele me falou que estava trabalhando como representante comercial, trabalhando com uma vasta linha de doces e estava muito feliz com seus resultados.

A indústria considerava seu desempenho como ótimo e já havia oferecido novas áreas para sua atuação, só que seu tempo já era todo tomado com os clientes que assistia. Na medida que conversavamos fomos imaginando a possibilidade de resgatarmos um antigo desejo; o de formar uma sociedade. Mergulhamos nos estudos de viabilidade econômica, necessidades de investimento e concluímos que seria possível uma ampliação dos negócios desde que abríssemos uma unidade administrativa na nova região que nos havia sido oferecida.

Dado o fato de que se tratava da abertura de um novo mercado exigindo feeling que eu ainda não possuía, acordamos que eu permaneceria na sede de Taubaté onde estávamos e ele iria para a nova sede, escolhida para a cidade de Campinas SP.

E assim iniciamos uma nova fase em nossas vidas.

É claro que com sua ida para Campinas onde permanecia de segunda a sexta feira, eu lhe oferecia cobertura em seus compromissos em Taubaté, inclusive oferecendo todo o apoio a sua família.

A família dele era composta pela Adriene, uma mulher bonita, fina, estilosa, e de um casal, a Sofia com 16 anos e o Nelson com 12 anos.

Durante todo o tempo que nos relacionamos, a minha amizade com a Adriene era de bom dia, boa tarde, boa noite, ou de conversas informais nas vezes que ia em sua casa a convite do Thiago. A vida da família não era algo que eu conhecia mais profundamente, e o que de certa forma se intensificou com a ida do Thiago para Campinas.

Passei a conhecer melhor a rotina da Adriene da Sofia, do Nelson, e assisti-los em ocorrências tipo, socorre-la quando o carro quebrou ou de providenciar técnico para consertar o notebook da Sofia, essas coisas.

Posso garantir; nunca, em momento algum, a Adriene foi percebida por mim como uma mulher com todos os seus atributos, era apenas a esposa do Thiago, mas coisas foram mudando devagarzinho…

Acho que o momento inicial dessa mudança foi quando a Adriene me chamou para ajuda-la a resolver um vazamento em sua torneira da cozinha. Saí do escritório, peguei minha caixinha de ferramentas e lá fui eu socorre-la.

Ela estava todinha molhada, a torneira havia se partido e a água jorrava sobre ela que tentava rete-la com um chumaço de tecido. No afã de ajuda-la, encostei-me nela e com os movimentos de tentar reter o fluxo de água, fui sendo conduzido até a sua bunda, nesse instante um calor tomou conta de mim e meu pau endureceu imediatamente, não sabia o que faria, mas estava muito, muito gostoso. Ela também deve ter percebido e certamente gostado porque percebi que suas mãos folgaram um pouco deixando a água ganhar mais intensidade. Foram alguns poucos minutos, mas foram os mais deliciosos minutos que eu experimentei nos últimos tempos. Minha mulher estava sempre com algum problema e nossa vida sexual já não tinha a mesma intensidade do passado.

Refeito do tesão maluco, com o coração pulsando mais descompassadamente, afastei-me daquela bunda deliciosa ( ela tinha um quadril generoso, coxas grossas..) e fui em direção do registro, desliguei-o e retornei.

Percebi que ela estava com as bochechas vermelhas, estávamos eu e ela sem saber o que fazer.