Porno Gratis – Filmes Porno Brasileiros, Videos de Sexo Nacional, Sexo Amador, Videos Porno. - Porno Carioca. Videos Porno, Videos de Sexo, Xvideos, Filmes XXX, Sexo Amador, Porno, Fotos Amadoras, Porno Gratis, Contos Eróticos.
Home » Contos »

Conto de Sexo Amador Brasileiro – Balada Inesquecível e Sensacional

Conto de Sexo Amador Brasileiro – Balada Inesquecível e Sensacional

Conto de Sexo Amador Brasileiro – Balada Inesquecível e Sensacional :

Fui numa balada depois do trabalho com umas amigas para relaxar, que logo arranjaram companhia. Sozinha, entrei na pista e comecei a dançar sensualizando . Olhei na direção da porta e o vi… Ele vinha sorridente conversando com os amigos, vestia uma calça preta, uma camisa branca um tanto colada no corpo deixando a mostra um peitoral invejável e gostoso demais… Eu não tinha percebido, mas estava de boca aberta, parada no meio da pista com a cabeça levemente inclinada observando aqueles gominhos da barriga sarada… Ao subir a vista percebi que ele me encarava, então me toquei que estava de boca aberta!

Disfarcei, voltei a dançar e continuei observando mesmo. Separou-se dos amigos e foi pedir um drink. Ele segurava o copo sem tirar os olhos de mim. Olhava diretamente com aquele olhar que te deixa nua. Comecei a dançar sensualmente olhando nos seus olhos e pensando “vamos ver quem para de encarar primeiro”. Ele deixou o copo de lado e entrou na brincadeira. Não desviou o olhar safado um só minuto… Mordendo os lábios, pensei mais uma vez “ele está querendo brincar comigo, que delicia, vamos ver até onde isso vai dar?”.

Ainda fazendo contato visual fui deixando a pista, passei próximo a ele e me encaminhei para o banheiro masculino dos fundos (eu sabia que era menos frequentado, por ficar longe das pessoas).

Para minha surpresa ele entrou logo atrás. Virei com um olhar de surpresa, ele deu um sorrisinho bem safadinho… Olhou-me de cima a baixo, foi se aproximando e eu andando pra trás até encostar-se a pia. Agarrando minha cintura, disse com voz rouca em meu ouvido: “você não tem mais para onde fugir, Chapeuzinho… O lobo mau já te achou!” Minhas pernas ficaram bambas de verdade,quando ele me puxou contra si e eu senti seu pau duro e ereto. Num movimento brusco, me virou de frente para a pia e de costas para ele. Inclinou-me ligeiramente pra frente, passamos a fazer contato visual pelo espelho. Chupou os dedos e colocou a mão por debaixo do meu vestido, deslizou para a bunda e afastou minha calcinha, esfregando seus dedos molhados em mim. Vendo que fiquei arrepiada se aproximou do meu pescoço, ainda me olhando com aquele olhar, rasgou minha calcinha dizendo na minha nuca “está na hora do lobo comer a Chapeuzinho!” Minha parte íntima já latejava de tanta excitação… Lambendo meu pescoço, menfiou os dedos na minha buceta e sentiu o quanto já estava molhada, já não conseguindo controlar soltei um gemido bem alto…

Com a outra mão, ele abriu zíper de sua calça e colocou seu pau já rígido de prazer dentro de mim. Segurando meus seios, ele ia aumentando o movimento de vai e vem enquanto me olhava pelo espelho, já totalmente rendida…

Não controlava mais a respiração. Colocou a mão no meu ponto de prazer e alisava, eu me sentia cada vez mais molhada, queimando… Ele sentiu que eu me empinava e foi acelerando o ritmo e com a respiração entrecortada, gozamos nos olhando no espelho. Sorrimos.

Ele me virou e me beijou com carinho, tirando meu cabelo molhado da testa enquanto olhava em meus olhos profundaente.

De repente me toquei de onde estávamos e num sobressalto comecei a me arrumar rapidamente. Sorrimos nos beijamos mais uma vez e ele disse: “Sai primeiro amor para ninguém notar”.

Peguei o celular para disfarçar e passei pela porta do banheiro masculino. Sorri quando, ao sair, um cara que estava entrando no banheiro me olhava assustado. Aproveitei que estava com o celular na mão e mandei um SMS para meu marido:

“Amor, não se esquece de pegar a minha calcinha do chão… PS: Você vai me pagar eu adorava essa calcinha”.

Ele ainda fingia que lavava as mãos quando o celular fez sinal de SMS. Ele leu, deu uma risada e respondeu:

“Já peguei, minha linda… PS: se prepara para perder mais calcinhas quando chegarmos a casa. Essa nossa brincadeirinha me deixou super excitado”!

Espero que tenham gostado da minha historia e se deliciem com ela, assim espero!!!
Autoria: Renata Nunes