Porno Carioca: Filmes Porno Brasileiros, Videos de Sexo Nacional, Sexo Amador Grátis! - Porno Carioca. Videos Porno, Videos de Sexo, Zoofilia, Filmes XXX, Sexo Amador, Porno, Fotos Amadoras, Jogos de Sexo, Contos Eróticos. Tudo Grátis!
  • Acompanhantes VIP
Home » Contos » Minha vizinha coroa muito vadia

Minha vizinha coroa muito vadia

Minha vizinha coroa muito vadia

Pra quem não leu meus contos anteriores vou me descrever. T Tenho 21anos 1.70 de altura, 85 quilos, sou uma pessoa normal.

Sempre tive tesão em uma vizinha que era amiga da minha mãe, antes quando eu era mais jovem sempre tinhamos contato, mas com o passar do tempo nosso contato foi diminuindo até que passei a ve-la raramente. Um certo dia comecei a trabalhar e não estava sobrando tempo pra nada, nem mesmo pra lavar minhas roupas, foi ai que me lembrei que ela fazia esse tipo de serviços. Ela é uma mulher de uns 45 anos, tem 2 filhas mas ainda assim é uma coroa do tipo gostosona. Numa quarta feira no meu horario de almoço, fui até a sua casa conversar com ela e ver o preço e tudo mais.Chegando lá ela veio me receber com um short bem colado, que realçou os lábios de sua buceta carnuda, aquilo me deixou num tesão maldito mas tive que me controlar, ela me convidou para entrar pra podermos conversar melhor. Entrando lá fomos direto para os fundos da casa, lá conversamos sobre os assuntos do dia a dia. Por meu tempo ser um pouco curto, fui direto ao assunto, combinamos que ela iria lava as minhas roupas uma vez por semana, sempre aos sábados de manhã, ai quando eu fosse sair pro trabalho deixaria na casa dela.

Se passou um mês nessa nossa rotina de sempre, até que comecei a suspeitar que ela tava dando mole pra mim, a principio achei que era delírio meu, mas a cada sábado que se passava eu reafirmava ainda mais isso. Teve uma semana que o feriado iria cair na sexta, meu patrão resolveu dar folga no sábado também, na hora pensei ” é agora que eu descubro o que essa safada quer”. Avisei ela que não iria trabalhar, mas ainda assim levaria minhas roupas para ela lavar, só quer seria mais tarde que o costume.

No outro dia levantei 7 horas, tomei um belo banho, coloquei 2 camisinhas no bolso e fui até a casa dela. Chegando lá ela me recebe com um vestido curto bem solto do corpo, na mesma hora vi que ela estava sem sutiã e comecei a imaginar se ela estaria sem calcinha também, entrei com aquele pensamento e o pau quase rasgando a calça.Fomos direto aos fundos da casa, onde ficava a maquina de lavar. Ela separou minhas roupas e sempre conversando de costas pra mim, enquanto isso eu me remexia na cadeira tentando ver por baixo do vestido dela, já tinha até perdido o medo dela virar e me pegar daquele jeito. Eu tinha que ser rápido, aproveitar a primeira oportunidade que eu tivesse, foi quando “sem querer” eu deixei meu boné cair me abaixei pra pegar, quando olhei pra ela consegui ver aquela bucetinha deliciosa dela, parecia que tinha acabado de ser depilada. Por alguns segundos perdi o controle sobre meu corpo, quando assuntei já estava enfiando a cabeça embaixo do seu vestido e tentando abocanhar sua buceta deliciosa.Na hora ela “assustada” disse : ” O que é isso menino ? Tá doido?”, eu morrendo de tesão respondi, ” Me desculpa mais não dá mais pra segurar, você tá me matando de tesão. Deixa eu te chupar ?”. Ela pra sacanear mais, e me deixar com mais vontade fala ” Nem pensar, você tem idade pra ser meu filho ! Se você não parar eu vou contar pra sua mãe”. Já era tarde demais, enquanto ela falava isso cai de boca naquela buceta molhada,Alias molhada não, encharcada. Foi instantâneo, ela parou de falar e soltou um gemido, era o que eu queria, um motivo pra seguir em frente, chupei bastante a sua buceta e seu cuzinho, que eu tinha certeza que era virgem. Ela pediu pra me chupar, não pensei duas vezes, tirei toda a roupa e sentei na cadeira, ela se ajoelhou na minha frente e começou um boquete incrivel, por muitas vezes achei que ia gozar na boca dela. Ela nem disse nada, se levantou e sentou no meu colo e começou a cavalgar nem deu tempo de colocar a camisinha. Que buceta gostosa e molhada, depois de cavalgar bastante ela me pede pra come-la de 4, não pensei duas vezes, enquanto bombava na sua buceta, ficava de olho no seu cuzinho. Comecei a passar o dedo e ela sem falar nada, na hora pensei ” Vamo ve até onde ela deixa eu ir”, passei o dedo na buceta dela, deixei ele bem labuzado e comecei a passar na portinha do seu cu, fui enfiando aos poucos, como não queria nada, enfiei tudo e ela não disse nada. Quando me preparava pra meter o segundo dedo ela vira e fala ” Coloca logo sua pica no meu cu !” Pronto, aquilo foi musica para meus ouvidos, botei de uma só vez enfiei até o talo. Ela soltou um gemido que eu tive que abafar com o vestido dela,fiz ela ficar com o vestido na boca enquanto eu sem dó metia tudo no cu dela, que por sinal muito apertado. Depois de uns 10 minutos bombando sem parar naquele rabo, senti o gozo vindo, mais do que rápido coloquei dentro da buceta dela e gozei como a muito tempo não gozava, desde então sempre que dá tempo eu como ela.